Nova empresa de drones da China está construindo um UAV com uma carga útil de 20 toneladas

Isso é semelhante a um avião de carga tripulado de tamanho médio.

A recém-chegada Tengoen Technology (também escrito Tengdun), tem planos ambiciosos. A empresa promete vender drones armados e construir o maior avião de carga do mundo. Isso é um bom começo para uma empresa que só foi fundada em 2016.

O TB-001 Scorpion (foto superior), carro-chefe da Tengoen, é um drone bimotor de cauda dupla. Tem um peso máximo de decolagem de 2,8 toneladas, um alcance de mais de 3.700 milhas e provisões para carregar duas bombas ou mísseis de 220 libras. A Tengoen também fez uma parceria com a empresa de entrega chinesa SF Express para construir um TB-001  para entrega de carga, aumentando o drone para 3,3 toneladas, com uma carga útil de 1,2 tonelada. Em dezembro de 2017, o TB-01 modificado mostrou sua capacidade ao lançar suprimentos para uma equipe de reparos da Huawei que consertava uma torre de celular na província montanhosa de Yunnan.

Super Cargo Drone

No espaço de carga e entrega, a Tengoen já está trabalhando na construção de um drone de oito motores com uma envergadura de mais de 137 pés para transportar uma carga útil de 20 toneladas até 4.660 milhas. Isso é semelhante a um avião de carga tripulado de tamanho médio.

O drone de fibra dupla de carbono carrega o módulo de carga útil entre as duas fuselagens (parecendo um irmão robótico do Stratolaunch da Scaled Composites). Está sendo construído nas instalações da Tengoen em Chengdu, e supostamente estará em voo em 2020.

Um Drone  para todas as estações

O gigante pode ser personalizado para missões como busca e salvamento, reabastecimento aéreo e coleta de informações. Os executivos da Tengoen foram rápidos em destacar aplicações civis para o sistema de aeronaves não tripuladas: lançamento espacial, combate a incêndio e ajuda de emergência. O tamanho grande e a capacidade de carga modular do drone também podem assumir uma variedade de missões militares, incluindo coleta de informações e guerra eletrônica. Sua grande carga útil poderia fazer com que funcionasse como um tanque aéreo, reabastecendo aeronaves como helicópteros de busca e resgate, patrulhando caças, transportes de carga e bombardeiros.

A Tengoen é apenas um personagem em uma história maior sobre o setor aeroespacial não tripulado da China. Na verdade, é apenas um dos 110 fabricantes de UAV em Chengdu. Outros fabricantes chineses privados, como Ehang e DJI, também têm produtos com aplicativos de uso duplo. À medida que a indústria de drones multibilionários da China cresce em tamanho e sofisticação, o setor privado da China almeja uma fatia maior das compras do Exército Popular de Libertação, para não mencionar uma fatia do mercado global mais amplo.

Peter Warren Singer é estrategista e membro sênior da New America Foundation. Ele foi nomeado pela Defense News como uma das 100 pessoas mais influentes em questões de defesa. Ele também foi apelidado de “Cientista Louco” oficial para o Comando de Treinamento e Doutrina do Exército dos EUA. Jeffrey é um profissional de segurança nacional na área da grande D.C.

Fonte: Popular Science

Tradução e adaptação: E.M.Pinto

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*