Jungmann: Marinha fará chamamento para construção de navios de guerra

MINISTRO AFIRMA QUE OS NAVIOS FAZEM PARTE DA “MODERNIZAÇÃO DO PODER NAVAL”

O ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), anunciou nesta segunda-feira, 18, que a Marinha vai promover um chamamento público à indústria naval nesta terça-feira, no Rio de Janeiro, para a construção de quatro novas corvetas. O ministro disse que os novos navios fazem parte de um “processo de modernização do poder naval” da esquadra brasileira.
Jungmann participou de cerimônia para promoção de oficiais a generais na Base Aérea de Brasília e afirmou que as Forças Armadas brasileiras são conhecidas pelo profissionalismo.
Ele citou a atuação das três forças em ações de Garantia da Lei e da Ordem no Rio de Janeiro “sem um único deslize”, a participação da Marinha no Líbano, e disse que em 13 anos no Haiti o comando das Forças de Paz das Nações Unidas, cuja missão liderada pelo Brasil encerrou-se neste ano, nunca recebeu denúncias de abuso.
Jungmann disse que as forças são um “ativo democrático” e se “mantiveram no rumo”, respeitando o mandato outorgado pela Constituição na garantia da soberania e do território nacionais.
O ministro citou diversos projetos militares, ressaltou a relevância de o País ter lançado seu primeiro satélite próprio e afirmou que Brasil desbrava o setor nuclear por não ter o “beneplácito das grandes potências” para desenvolver tecnologia de interesse militar e na área de saúde. Ele afirmou que o programa de construção de submarinos, o Prosub, caminha muito bem.(AE)
DIÁRIO do PODER/montedo.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*